Login  Recuperar
Password
  8 de Maio de 2021
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Caldas / Cultura, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Ilustrações científicas de aves em exposição

13-05-2009 |

Ilustrações científicas de aves em exposição
Ilustrações científicas de aves em exposição
A exposição "Identidades", de André Valério, esteve patente no café Mazagran, em Caldas da Rainha, entre 14 de Abril e 10 de Maio. A mostra consistia num conjunto de 11 ilustrações científicas de aves, cujo objectivo era alertar para o conhecimento e preservação da biodiversidade local. André Valério, nascido em 1989, em Mafra, frequenta o curso de Design de Ambientes, na Escola Superior de Artes e Design nas Caldas da Rainha. É desde cedo que começa o seu fascínio pela avifauna do seu concelho e a ilustração surge da sua paixão e necessidade de promover a preservação das aves bem como os seus habitats, tendo editado alguns projectos relacionados com a preservação da avifauna local. A convite do seu amigo e colega de observação, D’Almeida Simões, tem participado nas suas exposições contribuindo com ilustrações de algumas espécies e auxiliando na elaboração e edição de um roteiro de observação de aves para a Câmara Municipal de Mafra, editado em 2008. "A perícia na localização e na identificação das espécies não se adquire facilmente, e é nisso que reside todo o seu fascínio. Desde bem cedo este encanto faz parte da minha vida, algo que me desperta os sentidos e me faz parar cada vez que vejo ou oiço um chapim, por exemplo", relata André Valério. "Crescer numa aldeia perto de Mafra, rodeado por todos os "bicharocos" que habitam e visitam o nosso quintal conduziu-me a este fascínio, contudo, grande parte das aves permaneceu um mistério até certa parte da minha adolescência. A integração na arte da Falcoaria, a participação em projectos de preservação e conservação da fauna silvestre, bem como a educação ambiental, despertou-me a observação mais intensa das aves", revela. "A ilustração científica, surge como recurso à fotografia, que muitas das vezes se torna dispendiosa em equipamento. Poder conceber alguns pormenores como cores e posições que nem sempre podem ser conseguidos através da fotografia, passou a ser uma realidade na qual encontrei um enorme potencial de expressão artística", descreve.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar